MPES denuncia vereador e secretário em Aracruz

O Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES), por meio da Promotoria de Justiça de Aracruz, ofereceu denúncia em face do vereador do município de Aracruz Gilberto Furieri, do vereador Orvanir Pedro Boschetti e do secretário municipal Ismael da Rós Auer, dentre outros envolvidos. O pedido teve como fundamento investigações realizadas pelo MPES, através das quais foi descoberto que os requeridos frustraram o caráter competitivo do procedimento licitatório, com o intuito de obter vantagem decorrente da mencionada licitação em favor da empresa Speed-TI – Consultoria, Desenvolvimento e Treinamento em Sistemas de Informática Ltda.

Continua depois da Publicidade

Powered by WP Bannerize

As investigações demonstraram que, desde 2006, a empresa Speed-TI vem ganhando as licitações para serviços de informática nos órgãos do Executivo e Legislativo do município de Aracruz. Dessa maneira, o MPES requer seja recebida a presente denúncia, sendo, em seguida, os denunciados citados para responderem à acusação. Durante as investigações o MPES requereu a prisão preventiva e busca e apreensão em face do secretário Municipal de Aracruz Ismael da Rós Auer. A prisão foi decretada porque o mesmo passou a intimidar vítimas e testemunhas dos atos em apuração, no decorrer das investigações policiais.