Tragédia: Acidente entre ônibus e mais 05 veículos na BR 101 deixa 08 mortos e dezenas de feridos

xaces1.jpg.pagespeed.ic.R3r2wL54zt

Teixeira de Freitas: Por volta de 01h20 da manhã deste sábado, 09 de Fevereiro, um grave acidente envolvendo 06 veículos, entre eles, um ônibus da Águia Branca com 45 (quarenta e cinco) passageiros, na BR 101, Km 953, nas imediações da Divisa entre a Bahia e o Espírito Santos, deixou um saldo de 08 (oito) mortos e dezenas de feridos. Além do ônibus, placa MSP 5925, o acidente envolveu dois caminhões, o qual um deles transportava cocos para o Espírito Santo; uma picape S10, cor preta, placa policial MRW 1954 (Serra-ES); um Celta branco, placa OMD 3132 e uma picape Strada Prata, placa NTU 1896 (Mucuri-BA).

Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal, A S10 ia sentido Espírito Santo para a Bahia, quando tentou ultrapassar um caminhão, na tentativa chocou-se com a lateral do referido caminhão, rodando na pista e colidindo gravemente com o ônibus que vinha sentido Bahia para o Espírito Santo. Na colisão, os 05 passageiros do S10 morreram na hora e o ônibus perdeu o controle atingindo outro veículo e descendo uma ribanceira de aproximadamente 30m (trinta metros). Na sequência, mais dois veículos, sendo o Celta e o caminhão, chocaram-se, perdendo o controle e também descendo a ribanceira.

O motorista do caminhão de coco sofreu várias lesões e foi socorrido pelo SAMU ao Hospital São José em Itabatan. Os três ocupantes do Celta, identificados como Renato Silveira Vilete Junior, 26 anos, natural de Resplendor/MG e Vander Souza Silva, 26 anos de idade, morreram no local; já Isabela Monecchi Oliveira Lopes, 20 anos, natural de Resplendor/MG, foi socorrida ao hospital, mas não resistiu e veio a óbito. Os passageiros do S10 foram identificados como Windison Vieira Ravani, 26 anos; Cristiana Dias de Moura, 24 anos; Carla Patrícia de Oliveira Paula, 39 anos e uma criança de apenas 05 anos, identificada como Pietra Paula Ravani. Um dos passageiros do veículo até o momento está sem identificação, pois não foi encontrado nenhum documento com ele. Uma dos passageiros da S10 ainda foi socorrida, mas morreu no hospital.

Continua depois da Publicidade

Powered by WP Bannerize

Uma equipe do corpo de Bombeiros de Teixeira de Freitas esteve no local e retiraram os corpos das ferragens. O delegado titular de Mucuri, Dr. Sanney Simões, que acompanhou todos os trabalhos de retirada dos corpos, preservação e orientação ao trânsito, solicitou uma perícia no local do acidente. Compareceram os peritos do Departamento de Polícia Técnica, Dr. Manuel Garrido e Alexson Magalhães. Segundo o perito Manuel Garrido, é a primeira vez que um acidente de grandes proporções assim acontece em seus 06 anos de coordenação. Ainda segundo o perito, mesmo com tanta experiência ele não resistiu e se emocionou ao ver uma criança de apenas 05 anos naquela situação.

Garrido ainda acrescentou  que  foi um milagre o ônibus cair numa ribanceira daquela e não tombar em nenhum momento. “O ônibus estava intacto, não tombou mesmo descendo de uma altura considerável e felizmente esse fato fez com que as 45 pessoas que ali estavam não sofressem consequências mais drásticas”, finalizou o perito. Após os trabalhos periciais, os corpos foram removidos ao IML e a pista liberada.

Os corpos passarão por exames de praxe e ficaram aguardando familiares para liberação dos mesmos. Um inquérito policial será aberto para apurar responsabilidades.

Por: Edvaldo Alves/Liberdadenews