Projeto social em Mantenópolis que tira crianças das ruas, “amigos fazem apelo em rede social e pede a volta do treinador Gilson Fubá”

Projeto Social em Mantenópolis tira crianças das ruas e leva para campo de futebol.
Ao invés das ruas, o campo e no lugar das drogas, a bola. É esse o foco do projeto “Mantenópolis Formando Atletas e Cidadãos”, desenvolvido em Mantenópolis, que tem como objetivo a inclusão do esporte na rotina de crianças de baixa renda, para evitar que se envolvam em crimes.

A atividade foi idealizada pelo técnico, Gilcimar Nunes da Cruz mais conhecido como “Gilson Fubá”, que já era amante do futebol e queria espalhar essa paixão. Foi aí que criou o projeto e deu início a escolinha de futebol e futsal a mais de 8 anos em Mantenópolis. Atualmente 289 crianças, entre 03 e 17 anos, são beneficiados.

“O que eu quero com este projeto é dar lazer para estes jovens de onde já saiu grandes atletas, depois da troca de prefeito fiquei desempregado, a prefeitura é que me dava todo o suporte ” – comentou Gilson.

De acordo com Gilson, no dia 21/12/2016 os alunos fizeram uma avaliação em Vitória ES, com a supervisão do profissional, Marcos da equipe do Rio Claro de São Paulo e foram aprovados dez Atletas onde iram para escolinhas do Corinthians São Paulo e Rio Claro.

As aulas são oferecidas para grupo infantil, júnior e juvenil de segunda a sexta-fera na parte da manhã e a tarde, na segunda, quarta e sexta, são feitos os treinos de futebol e na terça e quinta, red ball. Os alunos já participaram de vários campeonatos.

Foto depoimento no facebook

Uma de suas revelações foi Bruno Lima que foi um dos destaques do time que eliminou São Paulo e Corinthians.

O jogador, que nasceu em Rondônia, mas se considera capixaba por ter crescido no Estado. Bruno passou pelo Peixe em 2012, época de Neymar, Ganso, Robinho e outros tantos craques daquele elenco alvinegro.
De lado oposto, hoje o jogador, de apenas 20 anos, garante que o segredo do time que vem chamando a atenção de todo Brasil após golear o São Paulo por 4 a 1, e eliminar o Corinthians, dentro do Itaquerão, em disputa de pênaltis, após igualdade em 2 a 2, é algo muito simples.
Depois de atuar pelo time de Mantenópolis, na Copa A Gazetinha, ele foi para o Ipatinga e rapidamente foi contratado pelo Santos. Mas a contusão acabou dando uma segurada na carreira.

Outro foi Leonardo Oliveira, que também saiu de Mantenópolis onde hoje joga no Atlético Mineiro e seleção brasileira sub 17. Ambos deixarão seu apelo na rede social.

A dedicação do treinador é reconhecida pelos alunos, pais e pela comunidade.

Foto depoimento no facebook

Leonardo Oliveira

Venho falar de uma pessoa que mesmo sem nada faz tudo , Gilcimar Nunes da Cruz mesmo sem nenhum apoio vai lá e faz as coisas pelas crianças de Mantenópolis , ele abraça como seus filhos e eu posso falar porque trabalhei com ele e sei das dificuldades , hoje estou em um lugar melhor , mais tive influência , porque meu trabalho começou lá e tenho certeza se ele tiver o apoio que merece , Mantenópolis pode sair mais jogadores igual eu sair , todos merecem uma chance até ele , que as autoridades de Mantenópolis pense melhor, um abraço Gilson conte comigo.
Brunno Lima
Através dessa imagem e dessa mensagem venho falar de um grande amigo, de uma pessoa extremamente guerreira, uma pessoa fenomenal. Venho falar de Gilcimar Nunes da Cruz o nosso GILSÃO o nosso GILSON FUBA, bem dizendo o nosso PROFESSOR GILSON. Venho de uma forma carinhosa e humilde pedir a toda autoridade política de Mantenopolis- ES que permaneça essa incrível pessoa no comando da escolinha craques do futuro. Hoje estou em um lugar melhor, estou vivenciando um momento maravilhoso na minha vida profissional e pessoal, e de alguma forma Gilson pode me ajudar. Tenho certeza que podem sair mais jogadores dessa cidade e desse projeto. Confie no trabalho desse homem honesto e de a oportunidade de Mantenópolis desfrutar de grandes talentos que estão por vir através desse incrível profissional. PENSE EM PROL A CIDADE E NÃO EM PROL A DESEJOS PESSOAIS. GILSON É A PESSOA CERTO A CONTINUAR NESSA ESCOLINHA. Abraços Brunno Lima.

Continua depois da Publicidade

Powered by WP Bannerize

Foto depoimento no facebook

Ademar Junior
Hoje estou em defesa dele: Gilcimar Nunes. Foi meu professor de futebol durante metade da minha vida, foi um cara que não só me ensinou o futebol, mas também me educou, me apoiou no meu momento mais difícil (lesão) e foi meu braço direito nessa caminhada. Mesmo o futebol em Mantenópolis não tendo valor nenhum para as autoridades, ele não desistiu, correu atrás sozinho, não desistiu dessas crianças e hoje o que temos de futebol em Mantenópolis devemos a ele. E hoje já nem tanto como jogador, mas como um auxiliar, vejo o carinho que esse cara tem pelas crianças, o amor que ele tem em cuida-las como se fosse os filhos e o mais importante, o talento em ensinar.

Foto depoimento no facebook

Farlley Noronha

Um Pai talvez não consiga ser um treinador, mas um treinador sempre vai conseguir ser um pai! Pow meu professor to aqui torcendo muito para que o senhor consiga seu emprego de volta, um profissional de extrema lealdade a cada um de seu atleta que tem amor por aquilo que faz .
Não apenas um professor de futebol e sim também um educador de crianças ensinado honra e da orgulho a seus pais . Estarei aqui rezando por você meu amigo, #fica_Gilcimar
Torcendo por você, você merece.
Rodrigo Vilela Lucas Martins

Parabéns Leonardo pela postura, mais do que a chance para o Gilcimar Nunes da Cruz continuar seu trabalho, é preciso planejamento para dá a ele e aos outros treinadores da sede e dos distritos condições de trabalho. Chegou a hora de investir no esporte em Mantenópolis.

Foto depoimento no facebook

Kevin Rashford

Estou aqui em defesa do treinador Gilcimar um cara honesto gente boa trata todo mundo bem e um dos melhores treinador q eu tenho
#fuba_fica
Foto depoimento no facebook
Foto depoimento no facebook