Prefeito preso volta a Kennedy para participar de acareação

O prefeito afastado de Presidente Kennedy, Reginaldo Quinta (PTB) – preso pela Polícia Federal em abril, voltou na sexta (22) à tarde pela primeira vez à cidade, onde participou de uma acareação com o procurador do município, Deveite Alves Porto Neto.

Os dois, e mais quatro pessoas, são réus em uma ação que investiga irregularidades na contratação do transporte escolar da cidade.

A ação por ato de improbidade administrativa tramita desde 2009. Um pregão para contratação de empresas para fazer o transporte de estudantes foi alterado nas vésperas de ser realizado.

Em vez de licitar por unidade os coletivos, a contratação passou a ser global, o que privilegiaria grandes empresas, restringido a participação das menores
Em outros depoimentos, o prefeito e o procurador deram versões diferentes para essa mudança. Quinta havia dito que a alteração aconteceu por orientação de Deveite, mas este negou a participação. Essas contradições levaram a Promotoria a pedir a acareação dos dois. Eles ficaram frente a frente por cerca de 50 minutos, mas mantiveram suas versões.

Continua depois da Publicidade

Powered by WP Bannerize

Reginaldo Quinta saiu ao final da acareação, escoltado por policiais do Grupo de Apoio Operacional (GAO) da Polícia Militar. Muito irritado, preferiu não falar com a imprensa. O procurador, que ficou até o final da audiência, se disse tranquilo em relação ao processo, mas também não quis dar entrevista.

Dois empresários responsáveis pela empresa que teria sido beneficiada, além do responsável pela licitação, Américo Dias Duarte, também são réus neste mesmo processo. O prazo de manifestação do Ministério Público e da defesa é de 30 dias.

Após depoimento, Quinta sai aplaudido

Cerca de 30 pessoas foram ao Fórum da cidade esperar pela chegada do prefeito preso, Reginaldo Quinta. Apesar das acusações que pensam contra ele, a população continuou manifestando apoio.

Ontem, com faixas e cartazes, os manifestantes aguardaram a chegada e a saída de Quinta. Eles pediam a volta dele ao cargo na prefeitura. Viaturas das Polícia Militar e Guarda Municipal faziam um bloqueio, limitando a aproximação da população.

Quinta saiu aplaudido pelos populares. Ele foi escoltado até a viatura da Polícia Militar, cumprimentou algumas pessoas que se aproximaram e saiu.