Movimentos Sociais declaram apoio a decisão do TJ


A decisão do desembargador Sérgio Bizzotto Pessoa de Mendonça, da 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES), que decretou a prisão preventiva do prefeito Jorge Donatti, de Conceição da Barra, acusado pelo Ministério Público de responsabilidade pela morte do sindicalista Edson José dos Santos Barcellos, foi elogiada em nota pública de entidades sociais divulgadas na tarde desta terça-feira (31).

Continua depois da Publicidade

Powered by WP Bannerize

A nota chama de “competente e corajosa” a atuação dos órgãos públicos – o MP por ter denunciado, a Justiça por ter determinado a prisão e a polícia, por tê-la efetuado – e, ao mesmo tempo, pede proteção para os familiares da vítima e suas testemunhas, principalmente o padre Moacir Pinto, da Comunidade de Conceição da Barra.

A nota é assinada pelo Conselho Estadual dos Direitos Humanos, pela Comissão Justiça e Paz da Arquidiocese de Vitória e pelo Movimento Nacional dos Direitos Humanos/ES.