Mauricio Toledo pede desfiliação do PPS e corre o risco de perder o mandato

O jornalismo do Gazeta do Norte teve acesso ao oficio que o prefeito de Mantena Mauricio Toledo enviou ao novo diretório provisório do PPS pedindo sua desfiliação e sua conseqüente exclusão do partido. No oficio o prefeito alega que esta no partido há doze anos e que disputou duas eleições para prefeito, mas que a direção estadual tomou sua decisão através da mídia e por isso estava requerendo a sua exclusão.

De acordo com o representante do partido na região Sr. Rosbery também em entrevista exclusiva ao Gazeta do Norte, o prefeito municipal correu do partido para apoiar outros candidatos (Castelo e Castelinho) esquecendo-se que o PPS apresentou candidatos próprios e que devido a traição de Mauricio Toledo não tiveram nenhum voto no município e pediu na época que o mesmo procurasse o partido para definir sua situação o que foi  feito somente agora através deste oficio.

Continua depois da Publicidade

Powered by WP Bannerize

De posse do oficio o PPS o presidente da provisória em Mantena o vice-prefeito Gentil da Mata disse que a situação esta nas mãos dos membros a nível estadual e que o Dr. Mauro Bonfim iria analisar a situação para dar uma resposta precisa ao prefeito Mauricio Toledo.

No momento o prefeito apresentou neste fim de semana o PSDB como o seu novo partido no município que até neste domingo teve como presidente da provisória seu filho Mauricio Toledo Jacob Filho, mas diante de toda a festa que fez para apresentar o partido não se sabe se o mesmo pode assinar sua ficha de filiação, pois corre o risco de perder o seu mandato como prefeito ou mesmo com dupla filiação não ter condições para concorrer a nenhum cargo político. Resta ao prefeito esperar a resposta do PPS Estadual para tomar suas decisões.

Também corre nos bastidores que a situação pode ocorrer judicialmente caso o partido resolva requerer o mandato que pertence ao PPS e o prefeito alegar que foi renegado pelo partido que não o procurou. O Jornalismo Gazeta do Norte vai estar atento para as definições que serão anunciadas nos próximos dias ou pelo prefeito Mauricio Toledo ou pelos representantes do PPS no Estado de Minas Gerais.