Mantenópolis: Assalto seguido de seqüestro relâmpago deixe População em alerta

Momentos de muito sofrimento viveu Luis Carlos Teixeira da Silva (o Luis da Panificadora Teixeira) após ser assaltado e seqüestrado na noite da última sexta-feira, próximo ao Distrito de São José, em Mantenópolis. Luis, ainda abalado,  conversou com a reportagem da Radio Transason FM  e contou que no inicio da noite da ultima sexta-feira, dia 29 de junho, saiu do seu estabelecimento comercial, para ir até a casa do seu cunhado, na localidade do distrito de São José, quando passava pela serra, antes de São José, por volta das 19 e 30 horas notou algo estranho com o pneu do seu veiculo, foi quando resolveu parar no acostamento e constatou que o pneu estava totalmente destruído. Após trocá-lo, foi surpreendido com gritos de deita no chão, deita no chão. A  vítima pensou que se tratava de uma brincadeira, pois tem muitos conhecidos naquela localidade, clareou com a lanterna, o bandido se assustou e efetuou dois disparos, mas os tiros mascaram, para sua sorte. A partir daí, mais dois bandidos saíram do meio do matagal, gritando cadê o dinheiro e já colocando o capús em sua cabeça. Luis disse que não tinha dinheiro e pediu que podiam levar seu carro mas deixá-lo com vida. Os três bandidos o colocaram dentro do carro e saíram e mais adiante, um outro carro os aguardava, mas não foi possível saber quantos mais estavam no outro veiculo, pois estava sem visão devido o capúz. Andaram vários quilômetros, com os bandidos pedindo dinheiro e ele dizendo que não tinha dinheiro e o bandido que atirou disse, que sua arma nunca tinha mascado e foi mascar logo com aquele vagabundo, assim contou Luis.Aproximadamente as 20 e 30, os bandidos resolveram entre eles, que iam deixá-lo amarrado num matagal e levar o carro e assim o fez (levaram ainda 30 reais,era só o que tinha a vítima em sua carteira). Luis, ficou amarrado e desesperado, no escuro sem saber onde estava. Com muita insistência conseguiu tirar as amarras e saiu caminhando sem saber pra onde ia, sentindo muita dor, pois tinha levado uma coronhada na cabeça e ainda descalço, já que os bandidos levaram até seus sapatos. Após caminhar cerca de um km, avistou luzes acessas, pensou que era mantenopolis, mas quando chegou, descobriu que não era e sim Cuparaque. Cidade de Minas Gerais, próxima a Mantenopolis. Luis procurou ajuda na primeira residência que encontrou e por coincidência os moradores daquela residência eram conhecidos e que a muitos anos  não os viam, e ai conseguiu um telefone e avisou a família, foi quando o pesadelo terminou,por volta da meia noite. O veiculo que foi levado pelos ladrões é um Pollo Sedan ano 2009, cujo o número da placa é MSF 6187, de Mantenópolis. Luis, apesar de muito abalado, passa bem, sofreu uma coronhada  na cabeça e esta com algumas feridas nos pés, por ter caminhado descalço sobre mato e espinhos. Luis acrescentou a nossa reportagem, que acredita que este fato não tenha ocorrido por acaso e sim premeditado, já que algumas pessoas tenham conhecimento de que toda sexta-feira se deslocava de seu estabelecimento com dinheiro para pagamento de funcionários de sua propriedade, que fica próximo ao distrito de São José. Disse ainda que apesar de ter passado por momentos de muito sofrimento, esta feliz por ter saído com vida e que o carro, pouco importa, alem disso o carro é segurado. A Policia Civil já esta investigando o caso e espera o mais rápido possível colocar as mãos , ou melhor, as algemas nos bandidos.