Homem morre engasgado com pedaço de chouriço em Nova Venécia

A degustação de uma simples iguaria acabou em tragédia. Um homem morreu engasgado com um pedaço de chouriço, nesse domingo (12), em Nova Venécia. Familiares de Adalto Luiz da Cruz, 46 anos, disseram que ele estava bebendo e comendo chouriço, quando engasgou e caiu no chão.

Adalto chegou a ser socorrido pelos bombeiros para o Hospital São Camilo, em Nova Venécia, mas ele já estava morto. O corpo foi levado para o Serviço Médico Legal (SML) de Linhares.

O Corpo de Bombeiros de Linhares faz um alerta à população sobre o que fazer em casos como esse. Confira as orientações:

Se estiver sozinho em casa

Sair do imóvel para pedir ajuda e fazer sinal de que está engasgado segurando a garganta com as duas mãos. A pessoa pode tentar desengasgar sozinha com a ajuda de uma cadeira. Basta apoiar no encosto e fazer movimento para dentro e para cima, tentando empurrar o alimento. Entretanto, tentar desengasgar sozinho pode ser perigoso, porque a pessoa pode entrar em parada cardiorrespiratória.

Continua depois da Publicidade

Powered by WP Bannerize

Como ajudar quem está engasgado

Abraçar a vítima por trás, com uma das pernas no meio das duas pernas da vítima para ela não cair, e fazer movimento de gancho, para dentro e para cima, com uma mão fechada e a outra aberta, empurrando o alimento. Caso tenha dúvidas, quem estiver socorrendo pode ligar para os bombeiros para ouvir as orientações. O telefone é o 193.

Crianças de até cinco anos

Abrir a boca da criança para tentar ver o objeto. Se o objeto estiver visível, tentar retirá-lo. Se não conseguir, fazer duas ventilações, soprando na boca da criança, para expandir a caixa toráxica. Caso isso não ocorra, colocar a criança de bruços apoiada no antebraço e sobre as pernas e dar cinco tapas, empurrando para baixo. Em seguida, virar a criança de barriga para cima, com as pernas voltadas para o socorrista e a cabeça em direção ao chão, e fazer cinco compressões toráxicas com apenas dois dedos. É importante deixar a boca da criança aberta durante o procedimento.

Os bombeiros ainda alertam que os procedimentos de salvamento devem ser feitos com a vítima a caminho do hospital.