HOMEM É MORTO COM NOVE FACADAS EM MANTENÓPOLIS

POLÍCIA MILITAR ELUCIDA HOMICÍDIO OCORRIDO NA NOITE DE 13 PARA 14/08/14, NO DISTRITO DE SÃO JOSÉ, MANTENÓPOLIS-ES.

A Polícia Militar, através dos policiais efetivados em Mantenópolis, elucidou, na manhã de hoje (14/08/14), o homicídio ocorrido na última noite, quando um homem, Júnior Coelho de Amorim, 26 anos, foi encontrado próximo ao distrito de São José agonizando, após ser vítima de esfaqueamento. Por volta de 6h, A Polícia Militar foi acionada, via telefone, a comparecer no local, onde os militares, ao chegarem, perceberam que a vítima ainda estava com vida. Assim, providenciaram o devido socorro, porém, a vítima não resistiu aos ferimentos, vindo a óbito. Um dos policiais socorristas percebeu que a vítima tratava-se de um homem que fora abordado por ele, na noite anterior, quando esta se achava em companhia de outros três homens, todos em atitude de fundada suspeita, sendo liberados, por não se confirmar a suspeição. O policial registrou os dados pessoais em boletim de ocorrência, relatando o procedimento policial. Assim, foi possível a identificação dos homens que se achavam com a vítima, na noite do crime. Dessa forma, foram realizadas buscas nas imediações e, após localizarem os suspeitos, confessaram a participação no crime, relatando detalhes da empreitada criminosa. Segundo relataram, o crime teria ocorrido com o objetivo de subtraírem o dinheiro que estava na posse da vítima, algo em torno de R$ 1.000,00 (mil reais). Os acusados detidos, Renato Greys da Silva, 32 anos, Adriano Alves dos Santos, 22 anos, Izaias Rebeiro da Silva, 28 anos, Junio Maria Vieira, 26 anos e Adriano Pinto Da Silva, 36 anos, descreveram as circunstâncias em que se deram os fatos. Um dos suspeitos, Renato Greys da Silva, fora preso, na última sexta-feira, dia 08/08/2014, após esfaquear outra pessoa, no Bairro Bela Vista, Mantenópolis e, segundo informou, foi autuado por tentativa de homicídio e liberado, em seguida. Todos foram detidos e encaminhados à presença do delegado de Polícia de Mantenópolis, para as providências legais.

Continua depois da Publicidade

Powered by WP Bannerize

IMG_7241_522x480 Segundo o Comandante do Destacamento Policial de Mantenópolis, Tenente Romildo, desde que a Polícia Militar tomou conhecimento do fato, passou a diligenciar, no sentido de encontrar os suspeitos. O que somente foi possível porque, na noite do crime, por volta de 23 horas, a guarnição policial abordou a vítima, em companhia de outros homens e, naquele momento, foram registradas as identidades de cada um dos envolvidos, inclusive, da vítima. Prosseguiu o tenente Romildo: “existe hoje, em Mantenópolis, um excelente corpo policial e isso ficou evidenciado, com a atuação dos militares escalados no serviço ordinário. A astúcia dos policiais, ao perceberem situação de suspeição, fez com que as pessoas envolvidas no crime fossem identificadas, mesmo antes da ocorrência do fato. Somente não foram detidos, quando da abordagem, porque não havia, naquele momento nenhuma causa legal justificante, mas o procedimento policial serviu para identificar os suspeitos do cometimento do crime. Assim, foi possível, em curto prazo, localizar e prender todos os acusados do crime.”

IMG_7251_544x480 IMG_7247_629x480

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_7253_312x480

 

IMG_7257_640x480