Homem é enquadrado na Lei Maria da Penha após espancar a esposa em Mantenópolis

violencia-mulher-e1381422948271
Imagem ilustrativa

Jonh Lenon Rodrigues da Silva, 25 anos, foi preso nesta segunda-feira (20) por volta das 18h00, acusado de espancar a companheira, na rua Projetada, no Bairro Belo Horizonte  em Mantenópolis ES. A Sra. Maria Aparecida alegou no momento, que foi atingida por socos na região do ouvido, e que por ocasião da agressão, de queixava de dores e dificuldades em ouvir. Na sequência, Jonh Lenon tentou agredi-la novamente, porem a PM impediu a covarde agressão, vindo o agressor a ser imobilizado, algemado e colocado no compartimento de segurança da viatura.

Segundo a PM, Jonh Lenon estava totalmente agressivo, e debatendo-se dentro do compartimento, na presença de várias pessôas no ato do flagrante. A Sra. Maria Aparecida disse a PM que não é a primeira vez que foi agredida por Jon Lenon e que ele, segundo o que ela relata, é usuário de entorpecentes, e que a obrigava a dar-lhe dinheiro para comprar drogas e sustentar o vício, e caso ela viesse a recusar, era brutalmente agredida. Ainda pesa sobre o agressor o agravante de mantê-la em cárcere privado.

Continua depois da Publicidade

Powered by WP Bannerize

mulher a

 

 

A PM encaminhou Jonh Lenon ao pronto Atendimento do Município em Mantenópolis para que fosse feito consulta médica de lesões corporais. De acordo com a PM, no deslocamento até a DPM, Jonh Lenon ameaçou por várias vezes de morte a Sra. Maria Aparecida com as seguintes palavras, “Aparecida”, se eu sair, eu vou te matar!”e se debatendo abundantemente no compartimento de segurança e também ameaçando a PM, “quando eu sair daqui, eu vou matar vocês seus vermes, eu vou matar policial”. Ele será enquadrado na Lei Maria da Penha.

O chamado a Policia foi feita através de DENÚNCIA ANÔNIMA, alertando que Jonh Lonon estaria agredindo fisicamente a Sra. Maria Aparecida com socos na face. Em seguida os envolvidos foram conduzidos á delegacia de Policia de Barra de São Francisco e entregues as autoridades competentes para as medidas cabíveis.