Família revoltada com mais uma morte na MGC-381, “Rodovia da Morte”, entre São João e Central de Minas

17Em um tom de lamento, após perder a cunhada  na noite desta terça  feira, (21/04), Lee Duque  desabafou  pelas Redes Sociais “ Um acidente que não precisava ter acontecido se as estradas tivessem sido consertadas com o primeiro acidente. Infelizmente este é o quarto acidente no mesmo lugar. Quantas pessoas tem que perder a vida ainda até que eles resolverem a consertar as estradas? Um absurdo”.

“Dia triste para nossa família, faleceu hoje em um acidente de moto minha cunhada Lorena Rocha, você deixara saudades. Obrigada por ter sido o grande amor na vida de nosso irmão, obrigado por tudo que você fez por ele, amamos você cunhada  jamais a esqueceremos. Que Deus abençoe sua alma e sua família neste momento difícil”, completou.

Em seu desabafo pessoal  Lee Duque relatava  com tristeza sobre o acidente em  que o irmão Joselo Venâncio, que  estava de moto com a esposa Lorena Rocha, ambos moradores da cidade de São João do Manteninha,  na MGC-381,  perto das imediações da conhecida “Reserva  Planeta dos Macacos”, na divisa de São João com Central de Minas, quando foram alcançados por um buraco na pista  e  perderam o controle  terminando com a fatalidade e a morte de mais uma pessoa no trânsito da conhecida Rodovia da Morte em Minas Gerais.  O irmão Joselo Venâncio sobreviveu ao acidente.

Continua depois da Publicidade

Powered by WP Bannerize

Joselo Venâncio e esposa

Segundo informações o  velório de Lorena Rocha será na Igreja Assembleia de Deus de São João do Manteninha e o enterro no cemitério de São Geraldo do Baixio nesta quinta feira, (23/04). Joselio Venâncio é  irmão da atriz e apresentadora Nani Venâncio  que segundo informações deverá estar presente ao velório.

Dentre muitos comentários sobre mais um acidente  e sobre o trecho na MGC-381 um destacou-se“É bonito a luta do prefeito de Central de Minas por segurança dos cidadãos de sua terra, mas, tem cinco meses que as chuvas levaram parte daquele trecho na  estrada e até hoje não foi consertada, será que a segurança nas estradas  não é prioridade?, ela continua tirando vidas da mesma forma, penso que agora como Presidente da Assoleste teria também de encabeçar uma luta pela segurança de nossas estradas, aquele trecho que esta sem asfalto e com perigo é responsabilidade do Governo Estadual mais também de São João e Central de Minas que fazem divisa”, comentou  uma senhora.

BR-381 Rodovia da Morte

Tragédias, descaso de autoridades, imprudências! A lista tríplice da Rodovia da Morte. Todos os dias, a BR-381, conhecida como a Rodovia da Morte, presencia tragédias! Temos de dar um basta nisso! Essa iniciativa, que começou timidamente, agora se ampliou! Somos uma comunidade de cidadãos preocupados em salvar as vidas dos que transitam diariamente, na rodovia BR381, entre Belo Horizonte e as regiões do Vale do Aço, Vale do Rio Doce, Vale do Mucuri e Jequitinhonha. Cidadãos que tentam chegar a cidades como Caeté, Barão do Cocais, Itabira, Guanhães, São Gonçalo do Rio Abaixo, João Monlevade, Nova Era, São Domingos do Prata, Antônio Dias, Marliéria, Timóteo, Coronel Fabriciano, Ipatinga, Governador Valadares, Teófilo Otoni e região.