Dona de casa é detida depois de tentar matar os quatro filhos em Vila Velha

Uma dona de casa de 29 anos tentou matar os quatro filhos e tirar a própria vida, na noite de quarta-feira (21), em Soteco, Vila Velha. O drama da família começou no início da semana, quando R.C. começou a ter crises depressivas.

Ela foi levada para o Departamento de Polícia Judiciária (DPJ) de Vila Velha, depois de preparar um coquetel de medicamentos e tentar dar os remédios às crianças.

Na última quarta-feira, R.C. já havia atentado contra a própria vida e a dos filhos abrindo a válvula do gás de cozinha. Em seguida, jogou álcool e ateou fogo a um colchão.

O marido dela, um vigilante de 25 anos – que não é pai verdadeiro das crianças, mas assumiu a condição de pai – foi quem controlou o fogo. Ele tinha se separado da mulher havia três dias, devido ao comportamento conturbado dela. Mas, diante do que havia acontecido na quarta-feira, decidiu voltar para casa.

Continua depois da Publicidade

Powered by WP Bannerize

Na quinta-feira à noite, no momento em que sairia para o trabalho, o vigilante viu que a mulher preparava remédios de forma desordenada, em vários copos. Ela disse que iria dar os medicamentos às crianças e se mataria em seguida.

O marido tentou tirar o copo das mãos da companheira. Ela acabou com um ferimento na perna. A Polícia Militar foi chamada por vizinhos, e o casal foi levado ao DPJ para prestar depoimento. O Conselho Tutelar de Vila Velha também foi acionado. As quatro crianças – três meninas de 11, 9 e 8 anos, e um menino de 4 anos – foram levadas para um abrigo.