Diretor do Detran quer exonerar servidor com CNH suspensa ou cassada

ph_e_secretarios_dayana_souza__8_-107513Se depender do diretor-presidente do Departamento estadual de Trânsito (Detran-ES), delegado Fabiano Contarato, todos os servidores comissionados do órgão que tiverem seus nomes na lista de condutores com carteira de habilitação suspensa ou cassada serão exonerados. A relação dos maus motoristas foi divulgada na última sexta-feira (09).

Contarato, informou que já pediu um levantamento para descobrir se existem nomes de servidores comissionados do Detran capixaba na lista. A informação foi dada durante entrevista a uma rádio local. “Não concordo que uma pessoa que esteja no Detran tenha carteira cassada. Não existe ordenamento jurídico que se mantenha sem um comportamento ético e moral. Funcionários do Detran devem ser exemplo”, afirmou.

Continua depois da Publicidade

Powered by WP Bannerize

Contudo a ação do delegado, para ser justa, deverá abranger a todos os comissionados do Estado. Desta forma, seriam exonerados não só os servidores do órgão de trânsito, como os secretários de Estado Sueli Vidigal (Assistência Social), Otaciano Neto (Agricultura), Renzo Colnago (Prodest), Paulo Pelissari (Fames), Guerino Balestrassi (Ciência e Tecnologia) e Rodrigo Júdice (meio Ambiente).

Entre os membros do Judiciários, os desembargadores Namyr Carlos De Souza Filho, Robson Luiz Albanez e Paulo Roberto Luppi constam na lista de CNH suspensa por pontuação. Já do Tribunal de Constas estadual está o secretário-geral das sessões, Odilson Souza Barbosa Junior.

Sueli, sem carteira, exonera motoristas

Na lista de nomes públicos entre os condutores cassados ou suspensos há ainda os deputados federais Carlos Manato, Jorge Silva, Iriny Lopes e Camilo Cola, além do eleito, Sergio Vidigal. Além de vereadores e prefeitos. Os membros do legislativo estadual – eleitos e reeleitos não escaparam. Entre eles estão: Nunes, Hudson Leal, Bruno Lamas, Cacau Lorenzoni e Sergio Majeski.