Detran|ES permite aproveitamento de taxas, cursos e exames para nova tentativa de obter a 1ª habilitação


O Departamento Estadual de Trânsito (Detran|ES) já está permitindo o aproveitamento da taxa do Documento Único de Arrecadação (DUA), dos resultados dos exames de sanidade física e mental e/ou do curso teórico de quem cancelou o processo de 1ª habilitação e optou por uma nova tentativa de obter a permissão para dirigir.

O mesmo também vale para os que perderam a licença provisória (de um ano) e tiveram cancelado o novo processo para conseguir a habilitação definitiva. Essas medidas já podem beneficiar cerca de 20 mil pessoas e entraram em vigor no último dia 16, após a modificação no Sistema de Habilitação do Detran|ES, realizada pelo Instituto de Tecnologia da Informação e Comunicação do Estado do Espírito Santo (Prodest).

Continua depois da Publicidade

Powered by WP Bannerize

O prazo para o aproveitamento do DUA é de cinco anos, desde que o candidato não tenha feito a prova teórica e nem o exame de direção veicular. Essa isenção não atinge os processos cancelados oriundos do programa de Formação, Qualificação e Habilitação Profissional de Condutores de Veículos Automotores – CHN Social.

Prazo

O exame de sanidade física e mental e o curso técnico poderão ser aproveitados num prazo máximo de 12 meses após o cancelamento do processo. Para requerer os benefícios, basta o interessado se dirigir a um Centro de Formação de Condutores (CFC).

Caso o exame de sanidade física e mental tenha menos de um ano de validade, o candidato deverá ser submetido a um novo exame e fará o pagamento desse serviço em uma das clínicas credenciadas pelo Detran|ES.