Crimes eleitorais estão na mira do projeto “O que você tem a ver com a corrupção?”

A campanha “O que você tem a ver com a corrupção?” do Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES) está sob nova coordenação. O procurador de Justiça Sérgio Dário Machado foi nomeado para atuar na qualidade de coordenador no biênio 2012/2014.

O projeto “O que você tem a ver com a corrupção?” foi idealizado por um promotor de Justiça do Ministério Público de Santa Catarina, doutor Affonso Ghizzo Neto, e lançado em 27 de agosto de 2004. O objetivo é conscientizar toda a sociedade, especialmente crianças e adolescentes, sobre o valor da honestidade e transparência das atitudes do cidadão comum, destacando atos rotineiros que contribuem para a formação do caráter.
Tendo em vista as eleições municipais de outubro deste ano, segundo o procurador de Justiça Sérgio Dário Machado, a prioridade será fiscalizar o processo eleitoral e conscientizar o eleitor sobre o voto correto. “Temos que fazer o eleitor entender que o voto é importante e decisivo e não deve ser vendido ou trocado por benefícios”, alertou.
Para o procurador de Justiça, o eleitor deve ficar atento aos crimes eleitorais e deve denunciar sempre que houver algo ilícito. Sérgio Dário adiantou que, este ano, o projeto busca firmar novos parceiros e reafirmar as antigas parcerias.
Nos dias 23 e 24 de agosto será realizado o II Congresso Nacional da Campanha “O que você tem a ver com a corrupção?” no Acre. O primeiro foi realizado no Rio Grande do Sul, em 2011.