Conheça o perfil dos jovens universitários encontrados mortos na Bahia

Izadora Ribeiro de Oliveira

A jovem tinha 20 anos e cursava o 8º período de Ciências Biológicas na unidade da Universidade Federal do Espírito Santo, de São Mateus, no norte do Espírito Santo. Izadora morava em Prado, na Bahia, com os pais, e, por conta da faculdade, há três anos se mudou para o interior do Espírito Santo.

Izadora prezava pela amizade e, poucos dias antes de sua morte, em sua página em uma rede social, a jovem postou uma mensagem para os amigos, Rosaflor, Marllon e Amanda: “Deus criou as amizades porque Ele sabia que, quando o amor machucasse, eles seriam a cura”, Bob Marley.

Izadora visitava os pais em Prado constantemente e estava à caminho do aniversário da mãe quando o trágico acidente aconteceu. Ela namorava um rapaz de 30 anos, que também iria viajar para a Bahia com o grupo. Mas dias antes da viagem, o casal brigou e Izadora não quis mais que ele seguisse viagem com ela.

Em uma de suas atividades recentes em sua página em uma rede social, Izadora curtiu a página: “Não é desistir é recomeçar”, apontando então, que ela era uma jovem que buscava as coisas boas da vida.

DivulgaçãoRosaflor Oliveira

A jovem tinha 24 anos e cursava mestrado em Ciências Biológicas, no campus da Ufes de São Mateus.

Rosaflor não tinha namorado, era evangélica, e freqüentava a Igreja Adventista. A jovem não gostava muito de baladas, como a maioria dos jovens, e preferia estar reunida com a família e com os seus amigos.

Continua depois da Publicidade

Powered by WP Bannerize

DivulgaçãoAmanda de Paula Oliveira

Amanha tinha 21 anos e estava cursando o 7º período de Ciências Biológicas, também no Campus da Ufes de São Mateus. A jovem, como Rosaflor, também não tinha namorado e era vizinha de apartamento de Izadora e Marllon, que eram os seus amigos mais próximos.

Amanda nasceu na cidade mineira de Manhuaçu. Uma de suas citações favoritas, divulgadas em sua página em uma rede social era: “Se você tivesse acreditado na minha brincadeira de dizer verdades, teria ouvido as verdades que insisto em dizer brincando. Falei muitas vezes como palhaço, mas nunca desacreditei na seriedade da platéia que sorria”. Charlie Chaplin.

DivulgaçãoMarllon Vieira Amaral

O jovem Marllon tinha 21 anos e cursava o 8º período de Ciências Biológicas, na unidade Ufes de São Mateus. Marllon era de Nova Venécia, mas se mudou para São Mateus há três anos por conta da faculdade.

Marllon e André Gallão eram amigos há muitos anos e foi ele quem apresentou André ao restante dos amigos. Em uma de suas publicações em uma rede social, Marllon postou uma foto de um jantar, que ele ofereceu para as amigas Izadora e Rosaflor.

DivulgaçãoAndré Malva Galão

André tinha 28 anos e morava em Colatina com os pais. Possivelmente, era ele quem dirigia o carro no momento do trágico acidente dos jovens. Ele era solteiro, cursava moda em uma faculdade de Colatina, mas havia trancado o curso no último período.

O jovem pretendia morar na capital capixaba para trabalhar com moda. No dia da viagem, André saiu de Colatina e foi até São Mateus para buscar o grupo de amigos, que seguiriam para Prado.