Concessionária vende 30 carros de R$ 106 mil após anúncio de alta do IPI

Após o governo Federal ter anunciado o aumento de 30 pontos percentuais no Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) dos automóveis e caminhões importados, o movimento nas concessionárias cresceu 60% nos últimos dias em Vitória. No período de cinco dias uma loja vendeu mais de 30 carros encerrando o estoque. Cada veículo está avaliado em R$ 106 mil.

Continua depois da Publicidade

Powered by WP Bannerize

Algumas empresas vão promover feirões para atrair ainda mais o cliente. A expectativa de alguns gerentes de concessionárias é que as vendas possam se manter até o final de setembro, já prevendo um reajuste nos preços a partir de outubro por causa do aumento do imposto. O empresário Silas Ercolino Sobrinho, 53 anos, aproveitou para comprar um carro para a esposa em uma loja de carros importados, localizada na Avenida Vitória. Para ele o aumento do imposto dado pelo governo pode ter sido provocado por pressão das empresas nacionais.

“O que o governo fez com as montadoras internacionais foi simplesmente por pressão dos empresários nacionais, que não estão aguentando o arrocho da concorrência. Mas o mercado é isso, é feito de acordo com a concorrência, com a lei da oferta e da procura. Quem tem qualidade e preço vende mais. Não basta só qualidade, tem que ter preço. Eu espero estar fazendo uma boa compra”, contou o empresário.

O corretor de café, Felipe Guimarães, não perdeu tempo e comprou um carro importado avaliado em R$ 85 mil. Ele foi o primeiro no Estado a comprar o carro de três portas – Veloster – da marca Hyundai.  “Eu queria muito esse carro e estou louco para sair com ele daqui (concessionária). Acredito que o preço dele vai ficar mais alto ainda, depois que o IPI entrar em vigor”.

Felipe Guimarães (em pé, à direita) comprou o carro importado avaliado em R$ 85 mil

fonte-gazetaonline