Caminhoneiros fecham BR-101 no sul do Espírito Santo em protesto contra aumento da gasolina

greve_caminhoneiros___dayana_souza__59_-27511
Na manhã desta terça-feira (10), caminhoneiros interromperam a passagem de outros caminhões com cargas pela BR 101, nos municípios de Viana e Atílio Vivacqua. Desde a noite desta segunda (9), que a manifestação está sendo feita. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF-ES), os motoristas estão parando todos os caminhões e liberando apenas, carros de passeio, ônibus e caminhões com carga viva.
De acordo com o superintendente do Sindicato das Empresas de Transportes de Cargas e Logística do Estado (Transcares), Mário Natali, são caminhoneiros autônomos protestando contra o aumento do valor dos combustíveis e o preço baixo pago pelas transportadoras pelo frete. “Acredito que isso é generalizado em todo o Brasil, já tenho notícias de paralisação em Campos (RJ), Atílio Vivacqua e Viana (ES). Isso está acontecendo em cadeia em todo o país”, contou.
Policiais rodoviários estão no KM 427, de Atílio Vivacqua, auxiliando os motoristas a passarem pelos desvios. Agentes da PRF-ES, também estão no KM 297, de Viana, na altura do Posto 7Belo, em Marcílio de Noronha, para ajudar o tráfego de veículos na região. Ainda não há informações sobre o tamanho do congestionamento.
Os dois sentidos das vias estão bloqueadas, liberando apenas, a pista da direita para a passagem dos veículos não participantes do protesto.