Barra de São Francisco: empresário é assaltado e bandidos podem ter levado R$ 150 mil em dinheiro. Um refém teria sido levado

9000000-282x300Um empresário de Barra de São Francisco foi assaltado neste fim de semana. Segundo informações, os bandidos armados pegaram o empresário em sua propriedade rural, o renderam e obrigaram a ir até o supermercado e entregar todo o dinheiro que estava no cofre.

De acordo com informações, os bandidos levaram cerca de R$ 150 mil em dinheiro. O dinheiro é do movimento do comércio durante a sexta-feira e sábado, que teria ficado guardado no cofre.

O nome do empresário ainda não foi revelado para que não atrapalhe as investigações da polícia. Um refém teria sido levado pelos bandidos, mas essa informação ainda não foi confirmada.

Assaltantes ainda desconhecidos mantiveram como reféns o empresário francisquense Admilton Nogueira e amigos em seu sitio, na localidade do distrito de Vargem Alegre, interior de Barra de São Francisco, neste domingo, 19/07/2015, por cerca de 6 horas.

Admilton, que é proprietário do Supermercado Nogueira, em Barra de São Francisco, foi vítima de assalto. Bandidos fortemente armados invadiram a residência do empresário e renderam moradores e alguns amigos que estavam no local no momento. Todos foram mantidos reféns das 7h as 13h sob mira de revólver e constantes ameaças.

Os bandidos obrigaram Ademilton ir até o supermercado e entregar todo o dinheiro que estava no cofre. O dinheiro seria referente ao movimento do supermercado durante sexta-feira e sábado.

Segundo informações foram levados pelos bandidos uma grande quantia em dinheiro, além de joias e celulares das vítimas. Os assaltantes fugiram, obrigando um dos reféns a dirigir para eles e tomando rumo ignorado. A polícia está na captura dos assaltantes. Ademilton não confirma, mas segundo informações o valor é de aproximadamente R$ 150 mil.

Continua depois da Publicidade

Powered by WP Bannerize

A polícia continua a procura dos bandidos, que teriam levado alguém como refém. Essa informação do refém ainda não foi confirmada. Eles também podem ter liberado a pessoa logo após deixar Barra de São Francisco.

777619_842426575813330_2142746207_o0 171882_842426559146665_1966742550_o0 768612_842426539146667_1703820125_o0