Barra de São Francisco é destaque na série Municípios Capixabas da TV Assembleia

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), desembargador Pedro Valls Feu Rosa, fez um discurso de despedida do cargo, na tarde desta quinta-feira (24), durante a cerimônia de diplomação de 77 alunos de escolas Estaduais foram eleitos “fiscais cidadãos” .

“Eu levarei desse tribunal uma grata lembrança. Juntos nós viajamos este Estado inteiro e guardo com carinho de cada viagem que nós fizemos. Mas também levo na lembrança cada colega, cada juiz desse Tribunal. Levarei as cenas que vivi aqui com muito carinho. Digo ao desembargador Sérgio Bizoto que vossa excelência receberá, sem dúvidas, o melhor Tribunal Regional Eleitoral do Brasil pelo engajamento de seus funcionários. Temos o melhor quadro de servidores do Brasil. Sejam muito felizes. Muito obrigado”.

Pedro Valls afirmou que o Programa de Ética e Transparência Eleitoral (PRETE) é essencial para que jovens aprendam a fiscalizar a corrupção. Ele também considerou que em uma sociedade, onde as drogas entram cada vez mais cedo nas escolas, a formação de jovens que possam atuar no combate a boca de urna e compra de voto é muito importante.

De acordo com o desembargador um dado preocupante, divulgado pela Controladoria Geral da União, é que 8,3 milhões de brasileiros disseram que venderam o voto nas últimas eleições. Esse valor representa duas vezes a população do Espírito Santo. Os 77 alunos diplomados participarão ativamente nas eleições 2012 auxiliando o TRE a detectar irregularidades.

Continua depois da Publicidade

Powered by WP Bannerize

“Estamos dando um passo na direção correta de sensibilizar, de conscientizar a geração seguinte. Que se deus quiser não vai precisar de fazer campanha de boca de urna e de compra de votos. Nossa geração falhou, nós erramos, mas que eles errem menos”, salientou o desembargador.

Segundo o diretor geral do TRE, Alvimar Dias Nascimento, o próximo passo dos fiscais cidadãos será um treinamentos que eles receberão no próximo ano, nas zonas eleitorais dos municípios onde estudam. Eles também contarão com o apoio dos juízes responsáveis por essas zonas eleitorais.

“Nós temos alunos da Grande Vitória, diversos municípios da Grande Vitória e de alguns municipios do interior do Estado. Daqui pra frente nós passaremos a ter um contato através da direção da escola desses alunos. Eles serão encaminhados no momento oportuno a cada zona eleitoral de seus municipios. Será elaborado um cronograma de apresentação deles, de maneira que eles sejam orientados para no dia da eleição estarem nas ruas portando um colete como fiscal cidadão”, frisou Alvimar Dias.

Mais votado

Aproximadamente 12 mil alunos participaram do processo de escolha dos fiscais cidadãos no último dia 28 de outubro. Foram 13 escolas participantes e 406 estudantes se candidataram. O TRE tinha a expectativa de ter o aluno mais votado no Colégio Estadual em Vitória, mas a surpresa veio do interior.

Com 238 votos o estudante Raul Rossi dos Santos, 17 anos, foi o aluno mais votado do Espírito Santo. O jovem cursa o 3º ano do Ensino Médio na escola Emir de Macedo Gomes, no município de Linhares. Raul contou que desde criança gosta de ser o líder da turma da escola e que não se espanta com o resultado.