ASSALTO À MÃO ARMADA VOLTA A ALERTAR OS MANTENOPOLITANOS.

assalto

Os indicativos de aumento da criminalidade, com episódios que tem ocorrido em Mantenópolis e regiões distritais, exigem de seus moradores,maiores cuidados.

Você pode OUVIR esta reportagem, clicando no player no final da página.

Na última quarta-feira, 03/06/2015, por volta das 18 horas, foi registrado mais um assalto à mão armada em uma farmácia do Alto São José, pequeno povoado com pouco mais de mil habitantes, pertencente e situado há 7 quilômetros. de Mantenópolis , no espírito santo.

 

aaa

Segundo o que relatou o balconista Josué, um indivíduo trajando camisa de cor laranja e calça jeans, e desconhecido na cidade, abordou-o, anunciando o assalto, orientando-o que na sequência colocasse todo o dinheiro do caixa em uma sacola, bem como seus pertences, e em um gesto típico, levantou a camisa para exibir-lhe a posse de uma arma na cintura, utilizando-se disto para ameaçá-lo que, caso relutasse em atendê-lo ou fizesse qualquer movimento suspeito, iria matá-lo ali mesmo. Josué prontamente atendeu às exigências do assaltante, não declarando portanto quanto foi levado de dinheiro em espécie. Durante o anúncio do assalto, relata que outro indivíduo, supostamente um comparsa, o aguardava do lado de fora no sentido de dar cobertura, montado em uma motocicleta de cor preta, placa OPV-9587,  que poucos instantes depois, foi objeto de queixa de furto, constando que a moto utilizada no assalto e posterior fuga, havia sido furtada do sr. Ronivaldo, comerciante local do ramo de produtos agropecuários.

O queixante relatou aos policiais que na ocasião, teria estacionado sua moto na frente de sua residência, com o capacete no guidon, e a chave na ignição, um hábito comum à maioria das pessoas destes municípios pacatos, que por não conviverem com a rotina de crimes, ficam mais desprevenidas e suscetíveis. O sr Ronivaldo salienta a ousadia dos assaltantes, que na sequência e a poucos metros de sua residência, investiram no próximo crime.  Vizinhos que avistaram a ação descreveram o meliante como trajando camisa de cor laranja e calça jeans, . A viatura prosseguiu na intenção de capturar os suspeitos, mas não obteve êxito.que seguiram pelo sentido da ES-320, via de acesso a Santa Luzia de Mantenópolis, bem como de outros municípios, e limite fronteiriço com o estado de minas gerais. 

Viatura_policia_militarA polícia com estas informações seguiu no suposto trajeto de fuga, tendo a viatura prosseguido na intenção de capturar os suspeitos, mas não obteve êxito.

Continua depois da Publicidade

Powered by WP Bannerize

 

mapa

 

 

 

 

Imagem de satélite Alto São José e Santa Luzia de Mantenópolis ES.

As polícias do circuito regional foram avisadas para entrarem em alerta. Até o momento da publicação desta reportagem, não obtivemos mais nenhuma informação do desfecho deste crime. Esta região conta com várias opções de fuga, incluindo a ES-164, e acesso a MG-381, incluindo um intrínseco e complexo labirinto de estradas alternativas, o que dificulta muito que sejam montadas estratégias de bloqueio pela polícia. Por isso incentivar a melhor interação entre as unidades de polícia da região é uma das formas de reprimir e frustrar os êxitos destas investidas criminosas contra a população.

Apesar de seu aspecto típico de cidades do interior, tranquila e pacífica, este povoado vem servindo de refúgio para criminosos de outras áreas, que estão se deslocando dos grandes centros, onde a repressão muitas vezes não advém apenas das investidas mais agressivamente ostensivas da polícia, mas também pela expansão assustadora das facções criminosas, que agora contam com a afiliação de nossos jovens e adolescentes, que prematuramente, com a falência dos sistemas educacionais, e de outros agregadores do bem estar social, e a total desproporção quanto aos investimentos nas áreas sociais e de segurança pública, onde se investe mais em reprimir, do que em formar e transformar jovens e adolescentes em futuros cidadãos, que determinariam um melhor curso para a história, do que vemos hoje pipocando em nossas modernas telas de lcd, que ironicamente, exibem inversamente a condição primitiva em que a sociedade está sendo submetida.

Recomenda-se cuidados redobrados quanto à segurança, sempre dando atenção especial, quando notar qualquer movimentação suspeita. A comunhão com a vizinhança é muito importante, no sentido de, além da amizade e da interação, distribuirem entre sí os números de telefone para que possam alertarem-se mutuamente quanto a movimentação estranha à rotina, bem como o tráfego de pessoas desconhecidas ou caracterizadamente suspeitas. Os mestres nas escolas, também devem repassar estas orientações aos alunos. Nunca permitir a entrada de pessoas desconhecidas no interior de sua residência sem a devida identificação, e orientar as crianças aos perigos que vem ocorrendo, pois elas geralmente estão alheias aos riscos que rondam nossa comunidade, e aos noticiários, cabendo aos pais ou tutores passar estas informações e alertá-las. Memorize números de chamadas de emergência policiais ou médicas em seu celular, ou ao lado da base do telefone fixo.

Reportagem de José Filho e Ronny Peterson para o  sitemantenópolis. Mantendo a comunidade bem informada.